DiaaDiaES.com.br
Sede da Prefeitura de Cachoeiro. Foto: PMCI

Subsecretária de Educação é exonerada após operação da PF em Cachoeiro

A subsecretária de Educação de Cachoeiro de Itapemirim, Andrea Lugon Rigon, foi exonerada nesta segunda-feira (21). A dispensa foi publicada no Diário Oficial do Município. Para o cargo foi nomeada Cristiane Fassarella Simonato Sartório.

A exoneração acontece dias depois do prefeito de Cachoeiro, Victor Coelho, determinar à Controladoria-Geral do município que realize auditoria extraordinária nos processos de compra e distribuição de merenda escolar.

Na semana passada, a Secretaria de Educação foi alvo da segunda fase da Operação Snack Zero, da Polícia Federal, que apura suspeita de fraudes em procedimentos licitatórios da merenda escolar.

A prefeitura informou na última sexta-feira (18) que a Procuradoria-Geral do município tomou conhecimento da possível participação de servidores públicos da secretaria no caso, pelo que, um dos investigados fora exonerado em 2019 e um outro seria afastado das funções, a fim de não prejudicar as investigações.

“A Prefeitura de Cachoeiro está entre as mais transparentes do Estado do Espírito Santo, zela pela boa conduta de seus servidores e continua à disposição dos órgãos de controle para colaborar com as investigações, identificar e punir os responsáveis nas esferas de sua área de atuação”, informou a nota da prefeitura.

O portal Dia a Dia entrou em contato com a assessoria da prefeitura para saber o motivo da exoneração da subsecretária, mas a administração informou que não tinha informação sobre o assunto.

Carregando....
%d blogueiros gostam disto: