DiaaDiaES.com.br
Foto ilustrativa: Pixabay

Mundo pet: verão exige cuidados redobrados com os cães

As altas temperaturas no verão são um convite ao lazer, mas para quem é tutor de cachorro, os cuidados devem ser redobrados durante a estação para evitar desidratação, queimaduras nas patas e problemas de saúde.

A rotina de passeios é saudável e é recomendada pelos veterinários, mas o ideal é que essas saídas ocorram em horários com temperatura amena, antes das 10h e depois das 17h. O importante é oferecer água ao pet durante o percurso, para que ele se hidrate.

A mudança no horário do passeio tem ainda como finalidade evitar que o asfalto quente queime as patas do cachorro.

Confira algumas dicas para curtir o verão ao lado do seu amigo com segurança.

Cuidados com o cão no verão

Nunca sozinho no carro

Jamais deixe seu pet trancado dentro do carro durante o verão, nem por alguns minutos. A alta temperatura associada aos vidros fechados transforma o local numa sauna e o animal pode sofrer de insolação e morrer.

Sombra garantida

Caso deseje levar o animal para a praia, garanta a ele um local com sombra, com guarda-sol ou árvores. Assim como os humanos, os cães não aguentam ficar muito tempo expostos ao sol.

Água é obrigatório

Sempre que sair com o cachorro não esqueça de levar água. Existem no mercado diversos bebedouros portáteis criados para facilitar a vida dos tutores. Caso não tenha um, uma garrafa com água e um pote resolvem o problema. Além de refrescar, essa tarefa evita desidratação.

Ventilador

Se o calor dentro de casa for grande, usar o ventilador é uma boa dica para refrescar tanto pets quanto humanos.

Tosa como aliada

Tosar cães muito peludos durante o verão é uma alternativa para aliviar o calorão. A tosa bebê costuma ser uma das mais procuradas nessa época do ano pelos tutores para garantir bem-estar a seus cães.

Cães não possuem glândulas sudoríparas por todo o corpo como os humanos. Com isso, raças de focinho curto, como pugs e shih-tzus, que já apresentam menor capacidade respiratória, têm dificuldade para baixar a temperatura corporal e fazem isso colocando a língua pra fora. Manter os pelos mais curtos ajuda o pet neste sentido.

Pulgas e carrapatos

Mantenha a medicação para pulgas e carrapatos em dia. Durante o verão aumenta a incidência de parasitas que podem transmitir doenças graves para o cachorro e levar à morte. Prevenção é fundamental.

Carregando....
%d blogueiros gostam disto: