DiaaDiaES.com.br
Cachorro agressivo. Foto: Pixabay

Mundo Pet: conheça seis maneiras para acalmar seu cachorro

O seu cãozinho não pode falar com você, mas sabia que ainda assim ele sente muitas coisas e encontra maneiras bem particulares para transmiti-las? Segundo um estudo feito pelo neurocientista Gregory Berns, da Universidade Emory, seu pet é capaz de sentir as mesmas emoções que uma criança sente. Os cães possuem uma sensibilidade aguçada para o aprendizado e demonstram suas emoções de forma mais explícita e acentuada.

Eles podem sentir: alegria, amor, dor emocional, vergonha, ciúmes, medo, otimismo, pessimismo, ansiedade, submissão, angústia e muito mais.

Foto ilustrativa: Pixabay

Sim, seu cãozinho é como se fosse um filho pequeno. Mas, nem todos estamos preparados para reconhecer seus sinais, e na grande maioria das vezes, até nos confundimos.

Como reconhecer os sinais do seu cão

Felicidade

Seu cachorrinho pode sorrir, sabia? Nesse estado eles tendem a deixar a boca mais aberta ou relaxada. O rabo balançando é um sinal bem claro de excitação. Se eles já não têm a orelha em pé, podem ficar com elas mais relaxadas.

Ansiedade

Eles também ficam ansiosos e muitas situações podem desencadear isso. Lamber ou coçar em excesso, tremer ou latir sem motivo aparente são sinais de que seu pet está ansioso. Um cãozinho que tem o costume de roer ou destruir brinquedos e objetos da casa também pode se enquadrar nesse conceito de ansiedade.

Agressividade

Olhar fixo, boca fechada, corpo imóvel e, às vezes, em posição de ataque. Rosnar e manter as orelhas bem apontadas para trás e a cauda erguida e rígida pode indicar um cão em sinal de alerta e se sentindo ameaçado.

Estresse

Quando um cão está estressado, uma mudança brusca de hábitos e isolamento podem ser indicativos. Tente agradá-lo com mimos que ele gosta, biscoitinhos especiais. Em caso de recusa, algo pode estar errado. É necessário prestar atenção porque esse comportamento pode ser sinal de alguma enfermidade também.

Foto: Ishidako/iStockphoto

Assim como as crianças precisam de atenção e atividades para gastar energia, seu cãozinho também. Ficar em ambientes fechados por muito tempo, principalmente quando são acostumados a sair, pode deixá-los hiperativos.

Nesse momento de isolamento, em que as pessoas estão tendo que trabalhar de home office e sem poder sair como antes, é um desafio a mais acalmar os cães.

Dicas para acalmar seu pet

Ouvir música

Sim, seu pet também curte uma musiquinha. Separe um cômodo da sua escolha na sua casa e coloque alguma música tranquila para tocar. Uma mpb calma, clássica ou até com sons da natureza.
Deite com o seu cãozinho como se mostrasse a ele o que ele deve fazer… relaxar. Com o tempo ele vai emular suas ações e até aproveitar esse momento com você.

Massagem

Procure no youtube vídeos de massagem em animais, dá para aprender movimentos em casa mesmo e aplicar no seu pet. Fazendo tudo de maneira correta, reservando um tempo para cada parte do corpo do seu cão, ele vai se acalmar e entender que deve ficar quietinho.

Brinque com seu pet

Tenha sempre acessórios em casa para seu cãozinho brincar bastante. Lembre-se que a energia acumulada pode fazer com que ele fique estressado e ansioso – o que pode gerar dor de cabeça na hora de trabalhar com ele querendo atenção o tempo todo.
Estabeleça um horário para brincar com ele. Lançamento de bolinha, esconde-esconde ou caça ao petisco, por exemplo.

Treine seu amiguinho

Incentivar seu cachorro a aprender novos truques também é uma ótima ideia para estimular a cognição do animal. Ele vai ficar sempre atento e vai responder melhor aos seus comandos.

Faça passeios regulares

Cachorro que passeia passa um tempo de qualidade sozinho, isso porque assim como nós, os animais não gostam de tédio. Encontre formas de fazer isso na quarentena: saia com ele em horários sem muita circulação, ou dê apenas uma volta no condomínio.

Eduque bem seu cão

Saber a hora de recompensar os pets ajuda muito na hora de colher os frutos de um dog bem educado e calmo. Evite dar biscoitos ou carinho quando o animal estiver agitado, ele precisa entender que para merecer algo ele precisa estar o menos agitado possível.
Ignore quando ele estiver tentando chamar sua atenção pulando em cima de você ou eufórico. Dê carinho e petiscos quando ele se comportar. Assim, ele vai entender que as coisas boas da relação de vocês acontecem quando ele está mais tranquilo.

 

Fique atento ao seu animal, ele te envia sinais o tempo inteiro. Idas à uma clínica veterinária são essenciais após se deparar com comportamentos suspeitos ou atípicos. Avalie se o pet está agindo de maneira estranha ou com algumas dificuldades que merecem a atenção de um especialista.

Carregando....
%d blogueiros gostam disto: