DiaaDiaES.com.br
Sede do Ministério da Economia, em Brasília. Foto: Hoana Gonçalves/ME

Ministério da Economia faz sua primeira seleção com 350 vagas

Criado no governo de Jair Bolsonaro, o Ministério da Economia vai fazer seu primeiro processo seletivo simplificado, com 350 vagas de caráter temporário, com intuito de aprimorar os projetos de transformação digital nos serviços públicos. É exigido nível superior na área de Informática/Computação ou em qualquer área de formação com pós-graduação em Informática/Computação (mínimo de 360 horas).

Os candidatos também precisam ter experiência profissional superior a cinco anos em Tecnologia da Informação ou título de mestrado/doutorado na área.

Atualmente, a pasta conta com 90.748 funcionários em exercício e 5.369 afastados. Já os comissionados vinculados à administração pública somam 16.016.

Confira o edital aqui

Segundo o edital de nº 7-ME/2020, o Cebraspe ficará responsável pelos procedimentos técnicos e operacionais. Pelo edital, os selecionados vão atuar em atividades técnicas de complexidade gerencial, de tecnologia da informação e de engenharia sênior. O salário é de R$ 8.300, em jornadas de 40 horas semanais.

As inscrições devem ser feitas no site do Cebraspe entre esta sexta-feira (21) e 2 de setembro. A taxa de inscrição é de R$ 60.

Clique aqui para se inscrever

A seleção será composta por provas objetivas de caráter classificatório e eliminatório; e prova de títulos.

As provas objetivas devem ocorrer no dia 11 de outubro, com duração máxima de 3h30, nas cidades de Brasília, Belém, Florianópolis, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo.

O processo seletivo terá dois anos de validade, a partir de sua homologação, podendo ser prorrogado por igual período.

Vagas oferecidas

• Especialista em Análise de Processos de Negócios: 50 vagas (37 em ampla concorrência + 3 para candidatos com deficiência + 10 para negros).

• Especialista em Gestão de Projetos: 50 vagas (37 em ampla concorrência + 3 para candidatos com deficiência + 10 para negros).

• Especialista em Infraestrutura de Tecnologia da Informação-TI: 50 vagas (37 em ampla concorrência + 3 para candidatos com deficiência + 10 para negros).

• Especialista em Ciência de Dados: 50 vagas (37 em ampla concorrência + 3 para candidatos com deficiência + 10 para negros).

• Especialista em Segurança da Informação e Proteção de Dados: 50 vagas (37 em ampla concorrência + 3 para candidatos com deficiência + 10 para negros).

• Especialista em Experiência do Usuário (UX): 50 vagas (37 em ampla concorrência + 3 para candidatos com deficiência + 10 para negros).

• Especialista em Desenvolvimento de Software: 50 vagas (37 em ampla concorrência + 3 para candidatos com deficiência + 10 para negros).

Carregando....
%d blogueiros gostam disto: