fbpx
DiaaDiaES.com.br
Ponto de ônibus no bairro Santo Antônio, em Vitória. Foto Alexandre Damazio
Geral

Domingo da discórdia

Populismo

Populista até o osso, o vereador de Vitória, Leonil Dias, quer que a prefeitura reserve assentos preferenciais para idosos, gestantes e deficientes nos pontos de ônibus da capital. Seria melhor indicar a instalação de abrigos nos pontos de ônibus primeiro. Alguns só contam com a placa de parada no poste de luz e mais nada. Aliás, a atual gestão de Vitória esqueceu que existem bairros pobres na capital.

Populismo 2

Depois de perder para Amaro Neto em 32 bairros da capital, inclusive São Pedro III, Inhanguetá e Romão, Luciano Rezende tentou usar o vereador Nathan Medeiros para aproximar-se da periferia. Neófito no Executivo, Nathan virou secretário da Central de Serviços da PMV e tem se esforçado para diminuir o abismo entre pobres e ricos deixado por Luciano nos últimos 7 anos. Missão impossível.

Populismo 3

A situação é tão ruim para Luciano na periferia, que ele tem inaugurado até obra para troca de madeiras podres no deck da orla de Santo Antônio e São Pedro, sempre acompanhado do deputado Fabrício Gandini. Morador de Jardim Camburi, Gandini já dá sinais de que não dará para ele em Vitória. Os mais pobres agradecem.

Suplente torce

Tem muito suplente de político torcendo para que o titular do cargo pegue um vírus e desapareça do cenário.

Magno respira

Destroçado pouco depois das eleições e atolado num mar de denúncias , o PSL desidrata no Espírito Santo e deixa o ex-senador Magno Malta com um sorriso largo nos lábios. Em Cachoeiro de Itapemirim, boa parte dos ex-integrantes do PSL migrou para o PL de Magno. Humilhado nas urnas, quando viu sua vaga ao Senado se perder entre um delegado ativista e um empresário defensor das armas, Magno tem sede.

Magno Malta na época em que era senador. Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Magno sai da UTI

Esses rebeldes que deixaram a alça do caixão do PSL querem fazer frente ao prefeito de Caxu, Vitor Coelho, leia-se Casagrande, e lançar candidato a prefeito. O órfão esquecido, Manato, junto com Magno, seriam os xerifes a comandar essa peleja. Não acredito.

Carregando....