DiaaDiaES.com.br
Foto: PMCI

Cachoeiro faz cadastro de candidatos a padrinhos afetivos

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes) de Cachoeiro de Itapemirim está com inscrições abertas para quem deseja participar do projeto de Apadrinhamento “Construindo laços de afeto e cuidado” e se candidatar para o próximo grupo de encontros e rodas de conversas dessa ação, que será iniciado em fevereiro.

O objetivo do projeto, regido pela Lei Municipal 7746/2019, sancionada pelo prefeito Victor Coelho, é que pessoas, famílias e empresas possam contribuir para o desenvolvimento das crianças e adolescentes assistidos em instituições de acolhimento do município, seja a partir de convívio e experiências familiares, gerando vínculos afetivos seguros e duradouros, ou com apoio material, por meio do estímulo aos estudos, por exemplo.

O primeiro grupo de candidatos a padrinhos teve as atividades realizadas no fim do ano passado e um casal já obteve a autorização judicial para o apadrinhamento. De acordo com a Semdes, neste ano, 13 pessoas já se inscreveram.

Requisitos

Para se tornarem padrinhos ou madrinhas, os candidatos precisam: ser maiores de idade; ter residência fixa no município de Cachoeiro; apresentar disponibilidade para participar, efetivamente, da vida do afilhado, bem como das reuniões e oficinas com a equipe do projeto; permitir visitas técnicas em sua residência; e concordar com as normas estabelecidas pela proposta do apadrinhamento e a instituição de acolhimento.

Os interessados devem procurar a sede da Semdes, na Ilha da Luz. Lá, serão informados sobre todas as etapas do projeto e as documentações necessárias para participar. Mais informações: 3511-3972 ou 3155-5380.

“O projeto de apadrinhamento veio somar. Contribui para que possamos construir e fortalecer os vínculos afetivos dessa classe de crianças que necessitam tanto do nosso apoio e carinho,” comenta a secretária de Desenvolvimento Social de Cachoeiro, Maria Aparecida Stulzer.

Tipos de padrinhos

Afetivo

Aquele que visita regularmente a criança ou o adolescente, buscando-o para passar finais de semana, feriados ou férias escolares em sua companhia;

Prestador de serviços

Profissional ou empresa que, por meio de ações de responsabilidade social junto às instituições, se cadastre para atender às crianças e aos adolescentes participantes do projeto, conforme sua especialidade de trabalho ou habilidade, apresentando um plano de atividades;

Provedor

Aquele que dá suporte material ou financeiro à criança ou ao adolescente, seja com a doação de materiais escolares, vestuário, brinquedos, seja com o patrocínio de cursos profissionalizantes, reforço escolar, prática esportiva, idiomas ou contribuição financeira para alguma demanda específica.

Carregando....
%d blogueiros gostam disto: